5 motivos para visitar o Catavento Cultural com a família 

É até difícil saber o que ver primeiro no Catavento Cultural: o museu tem cerca de 250 instalações interativas (divididas nas seções Vida, Universo, Engenho e Sociedade), que ensinam crianças e adultos sobre astronomia, evolução e história, entre outros temas. 

Ideal para um programa em família, o museu é abrigado no histórico Palácio das Indústrias, construído entre 1911 e 1924. 

Área de exposições subterrânea 

A partir de 2014, o museu liberou o acesso do público à parte subterrânea do Palácio. Com cerca de 1.000 m², o local abriga exposições. 

A mostra permanente “Do Macaco ao Homem”, por exemplo, mostra a linha evolutiva humana, começando há 7 milhões de anos, a partir de um acervo do Laboratório de Estudos Evolutivos Humanos da USP. 

Também ali, a sala Se Liga no Lego incentiva crianças a construírem equipamentos simples com peças de Lego. 

Sala do Corpo Humano 

Localizada na seção Vida, sala utiliza vídeos, maquetes e animações que mostram o funcionamento de quatro sistemas – respiratório, cardiovascular, digestório e nervoso. 

Entre as instalações interativas, estão um experimento que utiliza bexigas para reproduzir o movimento dos pulmões e uma reprodução oito vezes maior que um coração natural, mostrando suas cavidades, válvulas, veias e artérias. 

Sala do DNA 

Foi reformulada em 2017. Agora, o tema é abordado por meio de hologramas e painéis interativos. 

No mesmo ambiente, está uma escultura de três metros, que mostra em detalhes a estrutura de uma molécula de DNA humano. 

Sala Dinos do Brasil 

É uma das salas mais tecnológicas do Catavento. Os visitantes usam óculos de realidade virtual para voltar ao Brasil da era mesozoica – entre 250 milhões e 65 milhões de anos atrás. 

O vídeo interativo mostra espécies de dinossauros que viveram no país, como Uberabatitan, Abelissauro, Unaissauro e Saturnália. 

Há sete sessões diárias, com 40 minutos cada, e que acomodam até 25 pessoas. 

Borboletário 

Cansou de ver instalações interativas e deu vontade de chegar perto da natureza de verdade? No jardim do museu, uma grande redoma guarda 20 espécies de plantas e muitas borboletas. 

É possível ver animais de espécies, como a borboleta olho-de-coruja ou a borboleta júlia. 

Cada passeio dentro do borboletário dura 15 minutos. 

Catavento Cultural 

Onde: Palácio das Indústrias  Praça Cívica Ulisses Guimarães, s/no (Av. Mercúrio), Parque Dom Pedro II, Centro, São PauloSP.
Quanto: Terça a sábado, das 9h às 17h (a bilheteria fecha às 16h).

Imagem: Catavento Cultural 
Crédito: Pedro Jackson/Divulgação